Contenido principal del artículo

Christian Winters
Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Brasil
https://orcid.org/0000-0002-5646-3456
Biografía
Andressa Melina Becker da Silva
Universidade de Sorocaba
Brasil
https://orcid.org/0000-0001-5630-7843
Biografía
Letícia Lovato Dellazzana-Zanon
Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Brasil
https://orcid.org/0000-0003-0649-1675
Biografía
Vol. 9 Núm. 1 (2022), Artículos, páginas 117-136
DOI: https://doi.org/10.17979/reipe.2022.9.1.9029
Enviado: mar 30, 2022 Aceptado: jun 22, 2022 Publicado: jul 1, 2022
Derechos de autoría Cómo citar

Resumen

O objetivo deste estudo foi investigar os projetos de vida no início da adolescência, considerando o sexo e tipo de escola (pública, privada e do Serviço Social da Indústria - SESI). O estudo consistiu numa análise das redacções apresentados como parte do projecto “EPTV na Escola” de 2018. O corpus consistiu em 60 ensaios: 20 de cada uma das três escolas, subdivididos por género para dar um total de seis subgrupos de ensaios. Os dados foram analisados utilizando o software IRaMuTeQ. Os resultados mostram uma maior preocupação com o seu futuro entre as estudantes do sexo feminino, e mais alusões a bens materiais e um desejo de contribuir para a sua comunidade entre os sujeitos masculinos. Os estudantes das escolas públicas expressaram mais dúvidas sobre a profissão a escolher, os das escolas privadas mostraram maior preocupação com os assuntos financeiros, e os das escolas do SESI foram considerados mais decididos sobre o seu futuro. Os resultados deste estudo podem contribuir para a construção de conhecimentos sobre os projectos de vida dos adolescentes, principalmente no que diz respeito à fase do início da adolescência. Estes conhecimentos podem ajudar a orientar o trabalho dos professores e outros profissionais na área da Educação implicados na tarefa de transmitir projectos de vida.

Detalles del artículo

Referencias

ARAÚJO, Ulisses F., ARANTES, Valéria A.; KLEIN, Ana Maria.; & GRANDINO, Patrícia J. (2014). Youth purpose and life goals of students engaged in community and social activities. Revista Internacional d’Humanitats, 30, 119–128. Disponível em: http://www.hottopos.com/rih30/index.htm

ARAÚJO, Ulisses F., ARANTES, Valéria; & PINHEIRO, Viviane (2020). Projetos de vida: Fundamentos psicológicos, éticos e práticas educacionais. Summus.

BARIL, Elogie & GARNIE, Bénédicte (2015). IRaMuteQ 0.7 alpha 2 Interface de R pour les Analyses Multidimensionnelles de Textes et de Questionnaires. Institut National d’Etudes Démographiques. Paris. [Logiciel libre développé par Pierre Ratinaud (2009)]. http://www.iramuteq.org/

BIROLI, Flávia (2018). Gênero e desigualdades: limites da democracia no Brasil. Boitempo Editorial.

BORGES, Regina C. P.; & COUTINHO, Maria C. (2010). Trajetórias juvenis: Significando projetos de vida a partir do primeiro emprego. Revista Brasileira de Orientação Profissional, 11(2), 189-200. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1679-33902010000200004

BREINBAUER, Cecília; & MADDALENO, Matilde (2008). Nova abordagem para classificar os estágios de desenvolvimento dos adolescentes. In Organização Pan-americana da Saúde (Ed.). Jovens: Escolhas e mudanças: Promovendo comportamentos saudáveis. Roca.

BRASIL (2017a). Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC/Secretaria de Educação Básica.

BRASIL (2017b). Lei nº 13.415, de 16 fevereiro de 2017. Diário Oficial da União, Presidência da República, Brasília: DF.

BRONK, Kendall C. (2014). Purpose in life. A critical component of optimal youth development. Springer. https://doi.org/10.1007/978-94-007-7491-9

CAMARGO, Brigido V.; & JUSTO, Ana Maria (2013). IRAMUTEQ: um software gratuito para análisede dados textuais. Temas em Psicologia, 21(2), 513-518. https://doi.org/10.9788/TP2013.2-16

CAMARGO, Brigido V.; & JUSTO, Ana Maria (2018). Tutorial para uso do software IRAMUTEQ. Disponível em: http://www.iramuteq.org/documentation

CARVALHO, Renato G.; FERNANDES, Eduardo; CÂMARA, Joana; GONÇALVES, José Alberto; ROSÁRIO, João; FREITAS, Sandra; & CARVALHO, Sandra. (2017). Relações de amizade e autoconceito na adolescência: um estudo exploratório em contexto escolar. Estudos de Psicologia (Campinas), 34(3), 379-388. https://doi.org/10.1590/1982-02752017000300006

DAMON, William; MENON, Jenni; & BRONK, Kendall C. (2003). The Development of Purpose During Adolescence. Applied Developmental Science, 7(3), 119–128. https://doi.org/10.1207/S1532480XADS0703_2

DAMON, William (2009). The path to purpose: How young people find their calling in life. New York: Free Press.

D´AUREA-TARDELI, Denise (2008). A manifestação da solidariedade em adolescentes: Um estudo sobre a personalidade moral. Psicologia: Ciência e Profissão, 28(2), 288-303. https://doi.org/10.1590/S1414-98932008000200006

DAHL, Ronald E.; ALLEN, Nicholas B.; WILBRECHT, Linda; & SULEIMAN, Ahna B. (2018). Importance of investing in adolescence from a developmental science perspective. Nature, 554, 441-450. https://doi.org/10.1038/nature25770

DELLAZZANA-ZANON, Letícia. L.; & FREITAS, Lia B. L. (2015). Uma revisão de literatura sobre a definição de projeto de vida na adolescência. Interação em Psicologia, 19(2), 281-292. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-82202020000300016&lng=pt&nrm=iso

DELLAZZANA-ZANON, Letícia L; ARAÚJO, Murilo F.; VIEIRA, Gabriela P.; & FREITAS, Lia B. L. (2020). O papel do projeto de vida no desenvolvimento de adolescentes. In: E. S. FERRÃO, S. R. F. ENUMO; & M. B. M. LINHARES (Eds.), Infância em segurança: Interdisciplinaridade na proteção do desenvolvimento sadio infantojuvenil, (pp. 151-172). Editora CRV.

DELLAZZANA-ZANON, Letícia L.; ZANON, Cristian; TUDGE, Jonathan R. H.; & FREITAS, Lia B. L. (2021). Life purpose and sibling care in adolescence: Possible associations. Estudos de Psicologia (Campinas), 38, e200038. https://doi.org/10.1590/1982-0275202138e200038

FARIA, Maria. C. C. S. (2017). Florescimento dos Jovens na Escola. Revista de Estudios e Investigación en Psicología y Educación, (05), 019-024. https://doi.org/10.17979/reipe.2017.0.05.2178

GUZZO, Raquel S. L.; & EUZÉBIOS FILHO, Antônio (2005). Desigualdade social e sistema educacional brasileiro: A urgência da educação emancipadora. Escritos sobre Educação, 4(2), 39-48. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1677-98432005000200005&lng=pt&nrm=iso

HILL, Patrick L.; & BURROW, Anthony L. (2020). Introduction: The Purpose of Studying Purpose and the Need for an Ecological Perspective. In The Ecology of Purposeful Living Across the Lifespan (pp. 1-9). Springer.

http://doi-org-443.webvpn.fjmu.edu.cn/10.1007/978-3-030-52078-6_1

KOSHY, Sonia I.; & MARIANO, Jenni M. (2011). Promoting youth purpose: A review of the literature. New Directions for Youth Development, 0(132), 13-17. https://doi.org/10.1002/yd.425

LA TAILLE, Yves (2009). Formação ética: do tédio ao respeito de si. Artmed.

LOCATELLI, Adriana C. D.; BZUNECK, José A.; & GUIMARÃES, Sueli E. R. (2007). A motivação de adolescentes em relação com a perspectiva de tempo futuro. Psicologia: Reflexão e Crítica, 20 (2), 268-276. https://doi.org/10.1590/S0102-79722007000200013

MALIN, Heather; BALLARD, Parissa J.; & DAMON, William (2015). Civic purpose: An integrated construct for understanding civic development in adolescence. Human Development, 58, 103–130. https://doi.org/10.1159/000381655

MARIANO, Jenni M.; DAMIANI, Taylor; & BOYER, Margaret (2021). Self-and other-reported virtues of young purpose exemplars. Youth & Society, 53(3), 466-485. https://doi.org/10.1177/0044118X19859022

MCKNIGHT, Patrick E.; & KASHDAN, Todd B. (2009). Purpose in life as a system that creates and sustains health and well-being: An integrative, testable theory. Review of General Psychology, 13(3), 242-251. https://doi.org/10.1037/a0017152

MIRANDA, Fernanda H. F.; & ALENCAR, Heloisa M. (2015). Projetos de vida na adolescência: Um estudo na área da ética e da moralidade. Diaphora, 15 (2), 27-33. Disponível em: http://www.sprgs.org.br/diaphora/ojs/index.php/diaphora/article/view/107

NASCIMENTO, Ivany P. (2006). Projeto de vida de adolescentes do ensino médio: Um estudo psicossocial sobre suas representações. Imaginário, 12(12), 55-80. Disponpivel em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-666X2006000100004

NASCIMENTO, Ivany P. & RODRIGUES, Sonia E. (2018). Os jovens na pós-modernidade:Caleidoscópio de seus projetos de vida. Educere et Educare, 13(28), 1-26. https://doi.org/10.17648/educare.v13i28.18940

PEREIRA, Bruna C.; ZANON, Cristian; & DELLAZZANA-ZANON, Letícia L. (2021). Influência dos contextos escolar e familiar nos projetos de vida de adolescentes. Psicologia: Ciência e Profissão, 41, 1-14. https://doi.org/10.1590/1982-3703003227915

PIAGET, Jean; & INHELDER, Barbel (1955/1976). Da lógica da criança à lógica do adolescente. (D.M. Leite, Trans.). Pioneira, 1976. (Original publicado em 1955)

ROGERS, Leoandra O.; & WAY, Niobe (2016). “I have goals to prove all those people wrong and not fit into any one of those boxes”: Paths of Resistance to Stereotypes Among Black Adolescent Males. Journal of Adolescent Research, 31(3), 263–298.

https://doi.org/10.1177/0743558415600071

SUMNER, Rachel; BURROW, Anthony L.; & HILL, Patrick L. (2018). The development of purpose in life among adolescents who experience marginalization: Potential opportunities and obstacles. American Psychologist, 73(6), 740–752. https://doi.org/10.1037/amp0000249

WICHMANN, Fredericko; DELLAZZANA-ZANON, Letícia L.; FREITAS, Lia B. L.; & TEIXEIRA, Marco A. P. (2019). Relations among adolescents' life purpose, household chores, and school performance. Psicologia: Teoria e Prática, 21(1), 220-235.

http://doi.org/10.5935/1980-6906/psicologia.v21n1p220-235

WINTERS, Christian; LEITE, Juliano P. C.; PEREIRA, Bruna C.; VIEIRA, Gabriela P.; & DELLAZZANA-ZANON, Letícia L. (2018). Desenvolvimento juvenil positivo e projetos de vida: uma revisão sistemática da literatura internacional. Cadernos de Educação, 17(35), 39–54. https://doi.org/10.15603/1679-8104/ce.v17n35p39-54