Contenido principal del artículo

Raquel da Silva Castro
FF/CS/UCP – Braga
Portugal
Filomena Ponte
FF/CS/UCP – Braga
Portugal
Vol. Extr., núm. 11 (2017) - XIV CIG-PP, XIV Congreso Psicopedagogía. Área 11: NECESIDADES EDUCATIVAS ESPECIALES, páginas 087-091
DOI: https://doi.org/10.17979/reipe.2017.0.11.2439
Enviado: jul 14, 2017 Aceptado: dic 13, 2017 Publicado: dic 17, 2017
Derechos de autoría Cómo citar

Resumen

Considerando que a nossa relação com o mundo está intimamente ligada com a forma como o percebemos, importa descortinar como as crianças surdas interpretam aquilo que leem. Assim, considerou-se necessário contribuir para a perceção das aptidões desses alunos na compreensão de textos narrativos com alguma complexidade ao nível da estrutura e da linguagem, principalmente na perspetiva imaterial e semântica de uma língua, a partir da sua leitura, determinando se estes alunos ativam os mecanismos necessários para a compreensão e apreensão adequada desses conteúdos, nomeadamente na antecipação, dedução ou inferência de conteúdos de um texto literário.

 

 

Detalles del artículo

Referencias

Sim-Sim, I. (2005). A criança surda. Contributos para a sua Educação. Serviço de Educação e Bolsas. Fundação Calouste Gulbenkian.

Viana, F. L. & Teixeira, M. M. (2002). Aprender a ler – Da aprendizagem informal à aprendizagem formal. Lisboa: Edições ASA.

Publicações online

ME/DGIDC (2011), Programa de Português L2 para Alunos Surdos: Ensinos Básico e Secundário, Lisboa: Direcção Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular.

ME/DGIDC (2007). Programa Curricular de Língua Gestual Portuguesa: Educação Pré-Escolar e Ensino Básico. Lisboa: Direcção Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular.

Morais, A. M. & Neves, I. P. (2007). Fazer Investigação usando uma abordagem metodológica mista. Departamento de Educação e Centro de Investigação em Educação: Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

Revista Diversidades, n.º 25 (2009). Serviço da Direcção Regional de Educação Especial e Reabilitação e Colaboradores Externos. Região Autónoma da Madeira.

Legislação Consultada

DRE (Diário da República Eletrónico): legislação. Consultado em 03 de Abril de 2012. http://dre.pt/

Direção-Geral de Educação (DGE): legislação; dados relativos à Educação Especial. Consultado em 03 / 06 de Abril de 2012. http://www.dge.mec.pt/educacao-especial