Novos elementos sobre Praxes no Ensino Superior - Estudos na Universidade dos Açores

  • Maria Mendes http://orcid.org/0000-0003-3147-2468
  • Suzana Nunes Caldeira Universidade dos Açores
  • Osvaldo Silva Universidade dos Açores
  • Áurea Sousa Universidade dos Açores
  • Maria José D. Martins Instituto Politécnico de Portalegre

Resumen

Este trabalho procura elementos que contribuam para um melhor entendimento da expressão tendencialmente positiva face à praxe académica, por parte de estudantes caloiros de uma instituição de ensino superior em Portugal. Participaram no estudo 163 estudantes de 1.º ano e de ambos os sexos que responderam ao Questionário de Vivências da Praxe (QVP), de Vieira (2012), e ao Questionário de Integração Social no Ensino Superior (QISES), de Diniz, 2017. Os principais resultados indicam existir mais alunos a afirmarem sentir-se integrados, em detrimento de ansiosos (QVP), e que o sentimento de integração relaciona com a Relação com os Amigos (QISES).

 

Referencias

Allan, E., & Madden, M. (2008). Hazing in view: College students at risck. Initial findings from the national study of student hazings from the national study of student hazing. http://www.stophazing.org/wp-content/uploads/2014/06/hazing_in_view_web1.pdf

Caldeira, S. N., Silva, O., Mendes, M., & Botelho, S. P. (2015a). Hazing practices in higher education: a study with portuguese students. International Journal of Current Research, 7(04), 15444-15447. http://repositorio.uac.pt/bitstream/10400.3/3680/1/hazing.pdf

Caldeira, S., Silva, O, Mendes, M., & Botelho, S. (2015b). Praxe académica: meio de integração ou ações de humilhação? Aprender, 36, 102-112, ISSN 0871-1267. http://repositorio.uac.pt/bitstream/10400.3/3717/1/aprender%2036%20-%20a9.pdf

Caldeira, S. N., Silva, O., Mendes, M., Botelho, S. P., & Martins, M. J. (2016). University Student's perceptions of hazing: a gender approach. International Journal of Development Research, 6(9), 9444-9449. http://repositorio.uac.pt/bitstream/10400.3/3949/1/2016-4377_IJDR_publicado.pdf

Caldeira, S. N., Sousa, Á., Silva, O., Mendes, M., & Martins, M. J. (2016). Relações de género, vivências das praxes, satisfação com a vida e envolvimento do estudante. In Veiga, F. H. (Coord.), Envolvimento dos Alunos na Escola: Perspetivas da Psicologia e Educação para o Desempenho Académico, (pp. 600-618), Instituto de Educação, Universidade de Lisboa, Lisboa, Portugal. ISBN 978-989-8753-34-2. http://www.ie.ulisboa.pt/investigacao/publicacoes/livros-de-atas/atas-do-ii-congresso-internacional-envolvimento-dos-alunos-na-escola/

Costa, S. M., Dias, O. V., Dias, A C.., Souza, T. R., & Canela, J. R. (2013). Trote universitário: diversão ou constrangimento entre acadêmicos da saúde? Revista Bioética, 21(2), 350-358. Disponível em http://www.redalyc.org/html/3615/361533262019/

Dias, D., & Sá, M. J. (2013). Rituais de transição no ensino superior português: A praxe enquanto processo de reconfiguração identitária. Revista Galego-Portuguesa de Psicoloxía e Educación, 21(1) ISSN: 1138-1663. http://ruc.udc.es/dspace/bitstream/handle/2183/12618/RGP_21_2013_art_2.pdf?sequence=1

Diniz, A. M. (2017). Questionário de integração social no ensino superior. In L S. Almeida, M. R. Simões, & M. M. Gonçalves (Coords.), Adaptação, Desenvolvimento e Sucesso Académico dos Estudantes do Ensino Superior: instrumentos de avaliação (pp. 21-32). Braga: Associação para o Desenvolvimento a Investigação em Psicologia da Educação.

Knutson, N. M., Akers, K. S., Ellis, C. K., & Bradley, K. D. (2011). Applying the Rasch Model to explore new college sorority and fraternity members' perceptions of hazing behavior. In Mid-Western Educational Research Association annual meeting. http://www.uky.edu/~kdbrad2/MWERA_Nikki.pdf

Matos, F., Jesus, S., Simões, H., & Nave, F. (2010). Escala para avaliação das situações de bullying nas praxes do ensino superior. Psyc@w@re, 3(1). http://www1.ci.uc.pt/ipc/2007-2010/revista/c6944bceb08cb00930b00b6645171101.pdf

Resolução da Assembleia da República n.º 38/2016 (2016, 26, fev.). Recomenda ao Governo o reforço de medidas sobre a praxe académica. Diário da República, 1.ª série, N.º 40, p.630. Disponível em https://dre.pt/application/conteudo/73727194

Siva, S. (2017, 06, mar.). Praxe, uma história polémica. O Público. https://www.publico.pt/2017/03/06/sociedade/noticia/praxe-uma-historia-polemica-1763866

Vieira, P. (2013). Vivências da praxe académica: percepção de integração e ansiedade na transição para o ensino superior (Tese de Mestrado, Universidade de Coimbra, Coimbra). https://eg.sib.uc.pt/bitstream/10316/25316/1/Patricia.pdf

Publicados
2017-12-17
Cómo citar
Mendes, M., Caldeira, S., Silva, O., Sousa, Áurea, & Martins, M. J. (2017). Novos elementos sobre Praxes no Ensino Superior - Estudos na Universidade dos Açores. Revista De Estudios E Investigación En Psicología Y Educación, (14), 191-194. https://doi.org/10.17979/reipe.2017.0.14.2876
Sección
XIV Congreso Psicopedagogía. Área 14: TRANSICIONES Y DESARROLLO A LO LARGO DE LA VIDA