Declaração Samé Nuna. Linhas de Reflexão e Ação

  • IV Congresso Educação Ambiental dos países e comunidades da língua portuguesa
Palabras chave educación

Resumo

Dada a escala, riqueza e complexidade académica, social e cultural dos produtos que chegaram à comissão relatora, dando conta das visões, recomendações, propostas, desafios e reflexões, fruto dos painéis, da apresentação de comunicações, das conferências plenárias, das mesas redondas, dos eventos paralelos e outras atividades do congresso, estamos conscientes, pela nossa própria natureza humana que a proposta que aqui apresentamos é mais um conjunto de intuições que de conclusões.

Na abertura o presidente do Príncipe colocou-nos uma pergunta que poderia fazer parte da filosofia da rede de educadores e educadoras ambientais dos países de Língua Portuguesa e Galiza: como poderemos, ainda, edificar a esperança, junto das nossas comunidades, depois do esgotamento de algumas certezas que, nalguns casos, supúnhamos intemporais e, até, tinham suporte cultural, aparentemente insubstituível, que suportavam a nossa velha ideia de progresso económico e social?

A presente declaração aponta possíveis linhas para responder a essa questão. Neste sentido, partimos da necessidade de que a CPLP e todas as entidades envolvidas, apoiem os seguintes pontos gerais

Publicado
2018-03-16
Como citar
Educação Ambiental dos países e comunidades da língua portuguesa, I. C. (2018). Declaração Samé Nuna. Linhas de Reflexão e Ação. AmbientalMENTEsustentable, 23-24(1), 401-404. https://doi.org/10.17979/ams.2017.01.023-024.3393